conheça os novos celulares dobráveis

  • Aberto: 7,19 x 16,51 x 0,69 cm (largura x altura x espessura)
  • Dobrado: 7,19 x 8,51 x 1,49 cm
  • Peso: 187 g

O display externo manteve as 3,4 polegadas mas recebeu novos widgets (como saúde, lembretes, notícias e Smart Things) e mais funções, inclusive com inteligência artificial, como respostas sugeridas para mensagens (é possível escolher entre três opções mais elaboradas, de acordo com o contexto, e não apenas aquelas respostas curtas padrão) e tradução simultânea de conversas (por meio do modo intérprete).

Câmeras. Aqui está uma das mudanças mais relevantes do modelo — o Z Flip 5 tinha uma fraca câmera principal de 12 MP. Agora, ganhou um conjunto mais parecido com o do irmão maior Galaxy Fold. Além disso, o anel em volta delas está mais grosso e acompanha a cor do aparelho.

  • Traseiras: 50 MP (principal grande angular), 12 MP (ultra angular)
  • Selfie: 10 MP

A dobra permite alguns usos interessantes da câmera, como já vemos há alguns anos nos aparelhos do tipo flip. Para começar, a possibilidade de usar os sensores traseiros, de melhor resolução, para selfies, usando a tela externa (as câmeras que aparecem na frente quando o celular está fechado são as traseiras). E dá para apoiar o aparelho em um móvel ou objeto, como se fosse um tripé.

No caso de vídeos, o recurso de “zoom automático” (auto framing) ajuda a enquadrar melhor você na cena, de acordo com sua movimentação. Já no modo flex (quando você segura o celular dobrado a 90 graus, como nas filmadoras antigas, para maior estabilidade) dá para usar a barra de volume para controlar o zoom mais facilmente, deslizando o dedo.

Link da fonte

Ver Artigo Completo