Geração Z não sabe usar Ctrl C + Ctrl V? Culpa não é dela; entenda

Diogo conta que até mesmo compreender como se estruturam pastas em um computador pode ter uma tarefa hercúlea para alguns jovens.

A primeira geração de tecnologia tentava replicar no mundo digital o que tinha no analógico, tanto é que a ideia de pasta só faz sentido porque existia um arquivo [físico] com pastas. Só que, com o passar do tempo, as tecnologias que simplesmente replicavam o mundo físico passaram a ser sistemas para engajar o usuário, deixando o físico um pouco para trás
Helton Simões Gomes

A tecnologia tem várias gerações, e eles estão focados em um uso muito maior de smartphones e iPads, que é uma outra dinâmica da tecnologia. Muitas vezes quase não usam o computador ou não usam de jeito nenhum
Diogo Cortiz

A falta de traquejo com a tecnologia é mais sentida em espaços em que esses jovens precisam lidar com dispositivos de maneira operacional. Os apresentadores explicam, porém, que ainda que desconheça certas funções, como o Ctrl C + Ctrl V ou o Ctrl + Z, a geração Z não pode ser massacrada. Isso é fruto do contexto tecnológico em que estamos.

A percepção que nossa geração tem da geração Z, em outros aspectos [como sendo] a geração que faz corpo mole, que é muito preocupada com saúde mental – que são preocupações legítimas – faz com que a gente seja pouquíssimo empático com as necessidades deles
Helton Simões Gomes

A solução, sugere Helton, seria voltar a ter aulas de informática básica, como acontecia quando os computadores surgiram.



Link da fonte

Ver Artigo Completo