Silveira critica Zema e defende federalizar Cemig – 10/07/2024 – Brasília Hoje

O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira (PSD), disse que o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), deixou o estado à beira de um colapso.

O ministro, que é mineiro e faz oposição ao governador na região, defendeu a federalização da Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais) como forma de reduzir a dívida do estado, e afirmou que Zema fez o débito aumentar em R$ 50 bilhões em sua gestão, chegando a um total de R$ 165 bi.

“Se ele [Zema] for responsável, ele coloca esses ativos [da Cemig, na negociação da dívida], para não colapsar Minas Gerais”, afirmou nesta quarta (10).

A federalização de ativos dos estados como forma de abatimento de dívidas com a União é um dos mecanismos em debate no Congresso para renegociação destes débitos bilionários.


LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar sete acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

Link da fonte

Ver Artigo Completo