Suspeito de matar quatro pessoas em fazenda de Teresópolis é preso


Eujaique José Pereira, de 46 anos, foi encontrado na madrugada desta terça-feira (2) na Estrada do Parque do Imbuí. Crime foi no domingo (30) e suspeito havia fugido do local. Uma criança de 7 anos foi encontrada em um dos cômodos do imóvel. Suspeito de matar quatro pessoas em Teresópolis foi preso após buscas
Divulgação/PM
Foi preso na madrugada desta terça-feira (2) o suspeito de matar quatro pessoas em uma fazenda na zona rural de Teresópolis, na Região Serrana do Rio. Ele foi encontrado por volta das 3h na Estrada do Parque do Imbuí.
O crime aconteceu no domingo (30). Desde então, policiais civis e militares faziam buscas para encontrar o suspeito, identificado como Eujaique José Pereira, de 46 anos. Ele era considerado foragido.
As vítimas foram identificadas como Anderson Ribeiro, de 44 anos; Evandro Grunier, de 27 anos; Roberta Pereira, de 48 anos e Gerciane Grunier, de 33 anos.
As vítimas foram identificadas como Roberta Pereira; Anderson Ribeiro; Gerciane Grunier e Evandro Grunier
Reprodução
Anderson e Gerciane eram um casal e Evandro era irmão dela. Roberta, de 48 anos, era ex-mulher do suspeito de cometer o crime.
De acordo com o delegado Márcio Dubugras, o suspeito cometeu o crime porque não aceitava o término do relacionamento com a vítima
“Ele agiu sozinho, motivado justamente pelo fato da mulher ter decidido se separar dele. E em razão disso, da família ter acolhido ele achou por bem atentar contra a família”, disse o delegado.
Segundo o delegado, o suspeito vai responder por feminicídio e por três homicídios.
Polícia investiga morte de quatro pessoas em Teresópolis
Reprodução
Criança encontrada na fazenda
O crime aconteceu no domingo (30) em uma fazenda na RJ-134, na estrada que conecta Sabastiana a Ponte Nova. Uma criança de sete anos foi encontrada em um dos cômodos da propriedade
“A mulher dele, que foi vítima do feminicídio, salvou a vida dessa criança porque ela tirou ela de um local e levou para outro. A gente acredita que se ela não tivesse feito essa ação, possivelmente a criança também teria morrido”, afirma o delegado.
A criança é filha do casal Anderson e Gerciane. Ela está agora sob cuidados de tios.
O suspeito foi levado para delegacia de Teresópolis. O g1 tenta contato com a defesa do suspeito.
Chacina em Teresópolis

Link da fonte

Ver Artigo Completo